QUEM SOMOS?

Associação Espanhola para a Conservação e Estudo dos Morcegos

SECEMU

A nossa associação

A Associação Espanhola para Conservação e Estudo dos Morcegos (SECEMU) é uma associação governamental sem fins lucrativos que reúne pessoas interessadas na realização de estudos e desenvolvimento de actividades de conservação de morcegos em Espanha, promovendo de forma especial a sua protecção.

 

A SECEMU foi fundada no ano de 1989 e inscrita no Registo Nacional de Associações em 1991 com o número 90.757.

 

 

ONDE ESTAMOS

A nossa sede encontra-se situada em:

Departamento de Ciencias de la Vida
Facultad de Biología
Campus Universitario, Ctra. N-II, Km. 33,6. Universidad de Alcalá
28871, Alcalá de Henares (Madrid)
Email: secretaria@secemu.org

Conselho de Administração (2018-2022)

Juan Tomás Alcalde
Presidente

Juan Tomás Alcalde (Navarra) é doutor em Ciências Biológicas, trabalha em projectos de conservação de populações de morcegos, colocação e monitorização de caixas-abrigo, e estudos de impacto ambiental sobre estes mamíferos em parques eólicos.

Javier Juste
Vice-presidente

Javier Juste (Sevilla) é professor assistente do CSIC e associado à Estação Biológica de Doñana (EBD). É membro da SECEMU quase desde as suas origens e tem combinado ao longo da sua vida profissional actividades de investigação (ecologia e evolução de morcegos) com as de conservação, tanto a nível teórico como prático, especialmente como especialista das Nações Unidas na África Central.

Maria Mas
SECRETÁRIA

Maria Mas Navarro é licenciada em Biologia pela Universidade Autónoma de Barcelona e mestre em Biodiversidade pela Universidade de Barcelona, na qual estudou a estruturação vertical das comunidades de morcegos insectívoros do centro do Amazonas. Faz parte da equipa de investigação de quirópteros do Museu de Ciências Naturais de Granollers, onde desenvolve projectos sobre a conservação e dinâmica das populações de morcegos. Actualmente está a realizar a sua tese de doutoramento sobre a relação entre zonas húmidas e morcegos.

Xavier Puig Monserrat
Vice-Secretário

Xavier Puig Montserrat é licenciado em Ciências Ambientais, leva a cabo projectos de estudo e conservação de morcegos centrados no estudo das suas comunidades e no controle de pragas em ecossistemas agrícolas através da Associação Galanthus e o Museu de Ciências Naturais de Granollers.

M. Jesús Celaya
TESOUREIRA

M. Jesús Celaya é licenciada em Ciências Físicas e Ciências ambientais. Actualmente colabora na elaboração do atlas de morcegos.

Juan Emilio Echevarría Mayo
VOGAL

Juan E. Echevarría é virólogo do Centro Nacional de Microbiologia (Instituto de saúde Carlos III), onde é responsável pelo Laboratório de Referência Nacional para a Raiva. É coordenador dos projectos inter-disciplinares VIROBAT, que buscam a identificação e caracterização de vírus associados a morcegos, e em cujo contexto já se descreveram alguns como o filovírus LLoviu ou o lisavírus Lleida, potencialmente relevantes tanto para a saúde humana como para a conservação dos morcegos. A descrição de modelos co evolutivos entre vírus e morcegos e a sua aplicação, tanto à sistemática de morcegos, como ao estudo da transmissão interespecífica, é outra das linhas de investigação básicas do VIROBAT. Há vários anos que é responsável pela Comissão de Saúde da SECEMU, que trata de zelar pela implementação de boas práticas de trabalho que permitam salvaguardar tanto a saúde dos profissionais como dos morcegos.

VOGAL
Vocal

Stewart Finlayson é Biólogo e Director do departamento de História Natural do Museu de Gibraltar. É coordenador do projecto ‘Gib-Bats’ que estuda a biologia de morcegos no penedo de Gibraltar. Também trabalha em pontos distintos de Andaluzia. Stewart encontra-se actualmente a realizar um doutoramento, especializando-se em ecologia evolutiva de vertebrados. Stewart tem interesse especial em vertebrados cavernícolas e também no uso de vertebrados como indicadores de alterações climáticas. Recentemente Stewart está ligado a temas do conceito Rewilding.

David García
VOGAL

David García (Ilhas Baleares) é um naturalista dedicado ao estudo dos morcegos nas Ilhas Baleares. Realiza trabalhos de monitorização de colónias de morcegos cavernícolas no conjunto das ilhas, instalação e monitorização de caixas-abrigos, e estudos para conhecer os padrões de movimento e dinâmica populacional dos morcegos em meio insular.

O Conselho Administrativo da SECEMU foi elegido em Assembleia Geral Extraordinária celebrada no dia 2 de dezembro de 2017 em Alcalá de Henares (Madrid). O Conselho Administrativo é formado por 8 pessoas de diferentes zonas da península Ibérica e ilhas, dos mais variados perfis pessoal e profissional, todos juntos com uma paixão comum por morcegos.

Mais de 170
SÓCIOS

You are donating to : SECEMU

How much would you like to donate?
5 € 10 € 20 €
Would you like to make regular donations? I would like to make donation(s)
How many times would you like this to recur? (including this payment) *
Name *
Last Name *
Email *
Phone
Address
Additional Note
Loading...